Sete milhões de estudantes no Brasil têm dois ou mais anos de atraso escolar

Segundo a Unicef, o ensino médio é a etapa que concentra o maior número de alunos 'atrasados', com cerca de 2 milhões.

Matéria publicada no site G1 em 29 ago 2018.

No Brasil, há mais de 35 milhões de estudantes matriculados no ensino fundamental e médio. Entre eles, mais de sete milhões vão à escola, porém estão em situação de “distorção idade-série”, isto é, possuem dois ou mais anos de atraso escolar. Esses dados fazem parte do estudo “Panorama da distorção de idade-série no Brasil”, divulgado nesta quarta-feira (29) pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).


Evasão escolar também é um dos problemas combatido pelo projeto Jovem de Valor — Foto: Vanessa Simões/G1

O projeto traz um diagnóstico do atraso escolar por etapa de ensino na educação básica. Para elaborar o documento, foram considerados os seguintes aspectos:

  • Cor, raça e gênero;
  • Regiões brasileiras;
  • Áreas rural e urbana e outros recortes territoriais;
  • Situação das crianças e adolescentes com deficiência;
  • Censo Escolar 2017 do Inep/MEC.

Veja a matéria completa em: https://g1.globo.com/educacao/noticia/2018/08/29/sete-milhoes-de-estudantes-no-brasil-tem-dois-ou-mais-anos-de-atraso-escolar-alerta-unicef.ghtml


10 de março de 2019

0respostas em "Sete milhões de estudantes no Brasil têm dois ou mais anos de atraso escolar"

Deixe sua mensagem

Sobre o (re)construindo saberes

O portal teve seu desenvolvimento iniciado em 2018 como pesquisa do Mestrado de Ensino e Suas Tecnologias do IFFluminense. Destina-se principalmente para estudantes ingressantes no Ensino Superior, ofertando entre outros, posts, FAQ e cursos na modalidade de Educação a Distância.

Categorias de cursos

Pessoas online

Não há usuários online neste momento

Validação de Certificado